Confuso sobre “o que é hospedagem em nuvem?” Deixe-me explicar em termos simples.

Hospedagem em nuvem é um tipo de serviço de hospedagem na web que usa uma rede de servidores remotos em vez de um único servidor físico.

Por exemplo, você tem um site sobre fotografia. Para disponibilizar seu site para as pessoas na internet, você precisa de um computador que esteja sempre conectado à internet. Este computador é chamado de servidor.

Em vez de ter seu servidor físico em casa, você pode usar o espaço em um grande servidor em nuvem de propriedade de uma empresa como Amazon, Google ou Microsoft. Eles têm todos os equipamentos e especialistas técnicos de que você precisa para administrar seu site.

A hospedagem na nuvem funciona como alugar um espaço em um desses servidores na nuvem. Você paga uma empresa proprietária dos servidores para manter os arquivos e informações do seu site seguros e acessíveis a qualquer pessoa que queira visitá-lo.

Esses servidores geralmente estão espalhados por vários data centers e trabalham juntos para garantir que seu site funcione sem problemas, independentemente do tráfego que receba.

Uma das principais diferenças entre hospedagem em nuvem e hospedagem compartilhada é a escalabilidade. Com a hospedagem na nuvem, seu site pode lidar facilmente com picos de tráfego porque pode aproveitar os recursos de vários servidores.

Por outro lado, a hospedagem compartilhada hospeda vários sites em um único servidor, o que pode não ser uma boa opção para sites de alto tráfego.

Agora você entende o que é hospedagem em nuvem. Vamos verificar como funciona a hospedagem em nuvem.


Como funciona a hospedagem em nuvem?

A hospedagem em nuvem usa uma rede de servidores remotos para armazenar e gerenciar sites e aplicativos. Esses servidores estão conectados pela Internet e fornecem recursos como poder de computação e armazenamento sob demanda.

Você pode acessar e dimensionar esses recursos conforme necessário, tornando a hospedagem em nuvem flexível e escalável. A escalabilidade é o benefício mais significativo da hospedagem em nuvem em comparação com a hospedagem gerenciada e compartilhada.

Quando alguém visita seu site, a solicitação vai para um dos servidores virtuais na nuvem. Se esse servidor estiver muito ocupado, a solicitação será automaticamente redirecionada para outro servidor disponível, garantindo que seu site permaneça operacional mesmo durante tráfego intenso.

Os data centers desempenham um papel crucial na hospedagem em nuvem. Essas instalações abrigam os servidores físicos e os equipamentos de rede que alimentam a nuvem. Esses centros são projetados para redundância e alta disponibilidade, para que seu site permaneça ativo mesmo se um servidor cair.


Tipos de hospedagem em nuvem

Os tipos de hospedagem em nuvem com base nos modelos de implantação e serviço:

Modelos de implantação em nuvem

Um modelo de implantação em nuvem é o arranjo de recursos de computação em um ambiente de nuvem. Ele define quantos dados são armazenados, acessados ​​e gerenciados na infraestrutura em nuvem.

Existem 3 tipos de modelos de implantação em nuvem:

1. Nuvem pública

Provedores de serviços de nuvem pública, como SaaS e IaaS, oferecem serviços de nuvem ao público em geral pela Internet. As nuvens públicas são normalmente econômicas e escaláveis. Os exemplos incluem AWS (Amazon Web Services), Microsoft Azure e Google Cloud Platform.

2. Nuvem privada

As nuvens privadas são usadas exclusivamente por uma única organização. As nuvens privadas oferecem maior controle, segurança e personalização, mas podem ser mais caras para configurar e manter.

3. Nuvem Híbrida

Uma nuvem híbrida combina elementos de nuvens públicas e privadas. Permite o compartilhamento de dados e aplicativos entre eles. As organizações costumam usar uma nuvem híbrida para manter dados confidenciais em uma nuvem privada, enquanto utilizam a escalabilidade de uma nuvem pública para outros fins.

Modelos de serviço em nuvem

Um modelo de serviço em nuvem define o nível de controle e gerenciamento que você obtém do provedor de serviços em nuvem. Ele explica os recursos que o provedor de nuvem oferece e como usá-los.

Existem três modelos principais de serviços em nuvem:

1. IaaS (infraestrutura como serviço)

IaaS (infraestrutura como serviço)

Neste modelo, as empresas oferecem recursos de computação baseados em nuvem, como servidores e espaço de armazenamento, para ajudar outras empresas em suas operações.

Em vez de construir data centers caros, muitas organizações compram esses recursos de provedores de IaaS.

Por exemplo, Amazon Web Services (AWS) é um provedor de IaaS que oferece uma plataforma de computação em nuvem para armazenar o extenso banco de dados de filmes e séries da Netflix.

Além disso, o Microsoft Azure e o Google Compute Engine também são fornecedores de IaaS.

2. PaaS (Plataforma como Serviço)

PaaS (plataforma como serviço)

Os provedores de PaaS (Platform as a Service) oferecem estruturas baseadas em nuvem para o desenvolvimento de aplicativos web e móveis.

Ao contrário do IaaS, os provedores de PaaS gerenciam os recursos do servidor em nuvem, permitindo que os desenvolvedores se concentrem na construção de seus projetos.

Por exemplo, o Google App Engine é um provedor de PaaS onde você pode desenvolver software sem se preocupar com o gerenciamento da infraestrutura.

3. SaaS (Software como Serviço)

SaaS (software como serviço)

SaaS (Software as a Service) é um modelo de negócio que oferece software totalmente funcional por assinatura. Os produtos SaaS são hospedados na solução em nuvem, eliminando a necessidade de servidores internos.

Você pode acessar esses aplicativos de qualquer dispositivo com conexão à Internet, seja um computador ou um dispositivo móvel. Essa acessibilidade permite que proprietários de pequenas empresas, incluindo aqueles que procuram um construtor de sites para pequenas empresas, acessem software de alta qualidade sem fazer um investimento inicial significativo.

Por exemplo, as plataformas SaaS (Software as a Service) são Salesforce e Google Workspace, incluindo Gmail, Google Docs, Google Sheets, Google Slides e Google Drive.


Benefícios da hospedagem em nuvem

  • Custo-benefício: Você paga apenas pelo que usa, tornando-o econômico para startups e pequenas empresas que utilizam recursos hospedados na nuvem. Esse modelo de pagamento conforme o uso elimina a necessidade de investimentos iniciais significativos em hardware e permite gerenciar custos com mais eficiência.
  • Segurança melhorada: Os provedores de hospedagem em nuvem priorizam medidas de segurança robustas, incluindo firewalls avançados e protocolos de criptografia, e realizam avaliações de segurança regulares para proteger seus dados.
  • Escalabilidade: A hospedagem em nuvem permite que você aumente ou diminua rapidamente seus recursos com base nas necessidades do seu site, seja um site de pequena empresa ou uma configuração de hospedagem de servidor Minecraft exigente. A hospedagem na nuvem pode se adaptar às suas necessidades se você enfrentar um pico repentino de tráfego ou precisar reduzir a capacidade do servidor durante períodos mais silenciosos.
  • Balanceamento de carga de tráfego: Um serviço de hospedagem em nuvem gerenciado geralmente inclui balanceamento de carga, que distribui o tráfego de entrada entre vários servidores. Esses servidores garantem que seu site permaneça responsivo e disponível, mesmo durante picos de tráfego.
  • Confiabilidade: Quando um servidor falha, outro servidor da rede assume perfeitamente o controle como backup, garantindo a disponibilidade ininterrupta do seu site 24 horas por dia.

Prós e contras da hospedagem em nuvem

Antes de adquirir um plano de hospedagem na nuvem, vamos revisar seus prós e contras.

Prós

  • Escalabilidade e flexibilidade: Ajuste facilmente os recursos para atender às suas necessidades e adapte-se às mudanças no trânsito.
  • Segurança: Beneficie-se de medidas de segurança robustas e atualizações regulares para proteger seus dados e aplicativos.
  • Eficiência de custos: Pague apenas pelos recursos que utilizar, eliminando a necessidade de investimentos iniciais substanciais em hardware.
  • Atualizações automáticas: O sistema gerencia automaticamente a manutenção do servidor e as atualizações de software, garantindo desempenho e segurança ideais.
  • Confiabilidade: Graças à infraestrutura redundante e aos data centers, desfrute de alta disponibilidade e tempo de inatividade mínimo.

Contras

  • Dependência da Internet: A hospedagem na nuvem depende de uma conexão com a Internet, o que a torna vulnerável a interrupções na rede.
  • Preocupações com segurança: Embora os fornecedores invistam em segurança, existem vulnerabilidades potenciais a ameaças cibernéticas, que exigem vigilância.
  • Controle Limitado: Você pode ter controle limitado sobre a infraestrutura subjacente, impactando as opções de personalização.
  • Dados privados: Confiar seus dados a um provedor terceirizado pode levantar preocupações sobre privacidade e conformidade regulatória.

Exemplos de hospedagem em nuvem

Muitas empresas fornecem hospedagem em nuvem, oferecendo recursos exclusivos para atender às diversas necessidades de negócios. Aqui estão dois exemplos de provedores de hospedagem em nuvem pública:

1. AWS (Amazon Web Services)

A AWS é um dos provedores de hospedagem em nuvem mais populares do mundo, oferecendo uma vasta gama de serviços em nuvem, incluindo poder de computação, armazenamento, bancos de dados e aprendizado de máquina.

A AWS oferece quatro planos de preços em Cloudways (uma plataforma de hospedagem em nuvem gerenciada).

  • Plano de $ 38,56 / mês
  • Plano de $ 91,84 / mês
  • Plano de $ 183,22 / mês
  • Plano de US$ 285,21/mês

2. Plataforma Google Cloud (GCP)

GCP é a plataforma de hospedagem em nuvem do Google, que oferece serviços de computação, armazenamento, bancos de dados, aprendizado de máquina e análise de dados.

O Google Cloud é reconhecido por seus recursos de análise de dados e aprendizado de máquina, o que o torna a escolha preferida para organizações que buscam aproveitar o poder dos dados. Os planos de preços em Cloudways são os seguintes:

  • Plano de $ 37,45 / mês
  • Plano de $ 84,12 / mês
  • Plano de $ 152,14 / mês
  • Plano de US$ 241,62/mês

Quem deve optar pela hospedagem na nuvem?

A solução de hospedagem em nuvem é a melhor escolha se você procura um desempenho consistente do site sem a experiência ou recursos financeiros para gerenciar seu servidor.

A infraestrutura distribuída de hospedagem em nuvem gerencia com eficiência picos de tráfego durante promoções, eventos sazonais ou aumentos inesperados de popularidade.

Se você administra uma loja ou site de comércio eletrônico de alto tráfego, deve usar hospedagem em nuvem em vez de hospedagem compartilhada.

A hospedagem em nuvem é adequada para sites que exigem poder de processamento dedicado, largura de banda e amplo armazenamento para dados substanciais.

Além disso, a hospedagem em nuvem oferece segurança robusta para proteção de dados, tornando-a uma excelente opção para lojas de comércio eletrônico e redes de mídia social.